SBCJ

Caso clínico

Re-ruptura do tendão patelar

Resumo:

Paciente com re-ruptura do tendão patelar após cirurgia anterior.

 
Paciente (dados):

Sexo masculino, 29 anos, torneiro mecânico.

 
História:

Há três meses o paciente sofreu ruptura do tendão patelar do joelho esquerdo. Foi operado em outro serviço, onde foi realizada a reinserção do tendão na patela com Ethibond-5 em pontos transósseos e uso de imobilizador por 30-40 dias. Há sete dias, houve nova queda com trauma local e incapacidade para estender o joelho esquerdo.

 

  • Fig.1 - Radiografias em AP/perfil com patela alta, pré-operatória

  • Fig.2 - Ressonância magnética - lesão total tendão patelar c/om coto residual de difícil identificação

  • Fig.3 (a-b) - Pré-operatório

  • Fig.3 b - Pré-operatório

  • Fig.4 a - Radiografias - PO imediato

  • Fig.4 b - Radiografias - PO imediato

  • Fig.5 a - Radiografias joelho esquerdo, 3 meses de PO

  • Fig.5 b - Radiografias joelho esquerdo, 3 meses de PO


 
Exame físico:

- Joelho esq. - atrofia, derrame articular, equimose

- ADM: não faz extensão ativa, "gap" polo inferior da patela

 

 
Diagnóstico:

- Re-ruptura do tendão Patelar

 
Tratamento:

- Reparo do Tendão patelar (coto residual deficiente) com pontos transósseos (Ethibond-5)

- Reconstrução com enxerto de banco de tendão Aquiles

- Órtese rígida em extensão - seis semanas sem mobilização

- Muletas para apoio parcial do MIE

- Reabilitação: início com 45 dias PO com mobilização passiva e a seguir ativa

Fig.3 (a-b) - Pré-operatório

Fig.4 (a-b) - Radiografias - PO imediato

 

 
Resultado com 3 meses de PO:

- ADM: 0-120° - extensão ativa total

- Orientação/intensificar a reabilitação/liberação final com 6 meses de PO.

Fig.5 (a-b) - Radiografias joelho esquerdo, 3 meses de PO

Fig.6 - Vídeo do Arco de Movimento ativo = 3 meses PO



 
Questionamentos:

Causa(s) da re-ruptura?
Como poderia ter sido evitada?
Críticas ao tratamento atual?
Sugestões?

 

Informações sobre o autor

Nome: Dr. Rogério Fuchs
Cidade: Curitiba Estado: PR
Hospital: Instituto FUCHS de Joelho/Quadril Departamento: Ortopedia

Comentários sobre o Caso Clínico

14-08-2014
Obrigado pelo comentário. Concordo plenamente com você. Existem métodos de enxerto autólogo para esta lesão. Mas como temos acesso a enxerto de banco, fazemos isto pois é menos agressivo ao paciente. Porém, se der bom resultado, todas as técnicas são corretas. Eu vi o artigo no Orthopedics. Muito interessante e bela solução também. ROGÉRIO FUCHS


11-08-2014
Prezado Rogério: Excelente resultado para um caso de alta complexidade, extremamente incapacitante para o portador do problema. Apenas como contribuição, deixo a referência bibliográfica de uma alternativa terapêutica para aqueles locais desprovidos das facilidades de um banco de tecidos.OrthopedicsCurrent IssueAugust 2014Volume 37 · Issue 8 TIPS



Comentários sobre o Resultado Final